22/02/2021 voltar

Simuladores como grandes aliados dos pilotos de corrida

A rotina dos pilotos de F1 e de outras categorias mudaram na pandemia, e nesse momento foi necessário recorrer à tecnologia e trazer os simuladores para o dia a dia de cada um.

Já parou para pensar em como os pilotos de Fórmula 1 e de outras categorias estão mantendo suas rotinas e como estão se preparando para as competições diante da pandemia do Coronavírus? Acontece que não foi somente o cotidiano das competições que mudou, a forma com que os pilotos estão se preparando também teve que ser reavaliada e adaptada.

Para isso, muitos pilotos estão utilizando a tecnologia ao seu favor e passaram a utilizar ainda mais os simuladores de corrida, já que em algumas equipes, essa alternativa já era utilizada, porém, como uma forma de complementar os treinos nas pistas, e agora, essa opção se tornou quase que uma única opção.

Os simuladores permitem que os pilotos treinem nas próprias salas de suas casas e isto é indispensável, até mesmo, porque isto garante que eles possam continuar aprimorando habilidades, consigam manter a concentração e desenvolver técnicas ao volante.

Esses equipamentos já são grandes aliados dos pilotos de Fórmula 1 e de outras categorias há algum tempo, como foi apresentado em um artigo produzido pelo Super Carros, mas que você pode relembrar clicando aqui.

As plataformas virtuais permitem que os pilotos conheçam as pistas, testem seus reflexos, se sintam como se estivessem nas pistas reais de corrida, acelerar, ultrapassar, entre diversas outras ações que acontece em um autódromo.

  • Campeonatos virtuais
A paixão pelo mundo automotivo é tanta, que muitos pilotos passaram a participar de campeonatos virtuais de corrida. Felipe Massa, apesar de estar aposentado e Rubens Barrichello são alguns desses pilotos que aderiram a ideia e inclusive participaram de competições beneficentes no último ano, com a presença de mais 28 competidores.

Igor Fraga, competidor da F3 é atualmente o campeão mundial de Gran Turismo virtual e isso além de ter contribuído para sua preparação, fez com que seu nome ficasse ainda mais conhecido no ramo.

O jovem não foi o único que se aventurou nestas competições virtuais, Enzo Fittipaldi, com o irmão Pietro como companheiro de equipe, também embarcaram nesta aventura e não só entraram na modalidade, como também ganharam a primeira etapa de F1 Virtual Grand Prix Séries 2021, controlando um dos veículos da Haas.

Enzo venceu nomes como Arthur Leclerc, irmão de Charles Leclerc (piloto da Ferrari), Stoffel Vandoorne (Mercedes), Alex Albon (RBR). Essa disputa que aconteceu de forma virtual no circuito de Spielberg marcou a primeira etapa de uma série de três corridas virtuais que incluiu as corridas na Inglaterra e no Brasil e serviram como uma espécie de “aquecimento” para a temporada de 2021 da F1, além de fazer doações para a caridade, já que os ganhadores puderam escolher quais instituições receberiam as doações.





Ficou animado com nossa conversa sobre simuladores? Então, temos uma excelente notícia para você! No Salão Super Carros você pode se sentir como os pilotos de Fórmula 1, conduzindo os simuladores de corrida com movimentos e estáticos. Incrível, não é mesmo? E você, está esperando o que? Corre, adquira seu ingresso e viva esta experiência incrível! Clique aqui.

quero receber notícias